2 de jul de 2014

FALAR, FALAR, FALAR...


Estamos vivendo em mundo dominado pela ansiedade, hoje pessoas ficam incomodadas se não há nada para fazer, elas tem que se manterem ocupadas o tempo todo pela ansiedade que possuem. Com isso, o tempo se torna ouro, é preciso procurar muito para achá-lo. Ansiosas as pessoas agem por seus impulsos, não pensam antes de falar e muitas vezes, nem depois que falam.

Uma certa vez, atendendo uma mãe que estava com seu filho de mais ou menos uns nove anos de idade, ela reclamava dele com tanto ódio,  e quase não acreditando no que estava vendo, passei a mão sobre a cabeça do menino com carinho, quando prontamente  ele me retribuiu com um largo sorriso inocente de uma criança. Pedi para que a mãe não falasse assim com seu filho, mas ela continuou: _ é porque você não conhece esse menino, ele é uma peste!

Ser mãe não é uma missão fácil para uma mulher, principalmente a mulher moderna que se divide entre tantos afazeres, ocupações,  para muitas é a causa  dos problemas enfrentados com os filhos. Mas seria esse realmente o motivo?

Falar, falar, falar... quantas palavras são desperdiçadas diariamente.  Se muitas mães soubessem o poder que há nas palavras pensariam muito antes de falar e usariam as palavras  para abençoarem seus filhos.

Eu lembro ainda do olhar de minha mãe... ela nunca foi precipitada em falar, sabia perfeitamente o poder das palavras.  Seu olhar nos dizia muitas coisas como seu silêncio também, e creio que podíamos entendê-la  simplesmente através de seu olhar porque mamãe nos ensinou com suas atitudes.

Por que minha mãe conseguia nos ensinar com suas atitudes? Por que ela nos fazia refletir com suas palavras? Por que sabiamente ela nos estimulava com elogios, valorizando nossas qualidades, enfraquecendo os nossos defeitos?

Ela também trabalhava e não podia ficar o tempo todo conosco, e por sua chamada, vocação, ás vezes éramos os últimos a ter sua atenção, mas isso não nos pareceu um problema, porque ela era uma mulher sábia, confiava em Deus, não se desesperava... Ela nos oferecia qualidade em seu tempo conosco, nos surpreendia sempre, e tudo lhe inspirava como uma oportunidade de conhecermos o maior de todos bens, desde seu cuidado com seu visual, com seu casamento, com uma comidinha especial,  com uma declaração de amor em um bilhetinho dizendo o quanto nos amava...  Mamãe foi uma Mulher V, nos alcançou com seu exemplo. Porque teve um encontro com Deus, ela dominava a ansiedade natural de uma mulher, não falava sem pensar e aproveitava as horas de seu dia com sabedoria.

Se não consegue fazer diferente, se está sempre agitada, preocupada, estressada e por isso seu relacionamento com seus filhos vai de mal a pior, está na hora de mudar de vida. Não basta ter informações sobre Deus, orar... você precisa ter um verdadeiro encontro com Ele, e então, seus filhos poderão ver Deus através de você.

Estamos lendo o livro a Mulher V com as mães nas reuniões mensais do Projeto Mães em Oração, esse livro ajuda a mulher que vive nesse mundo de hoje,  que impulsiona cada vez  mais para que os pontos negativos sejam fortalecidos, a se tornar a mulher que Deus quer que sejamos:

"Abre a sua boca com sabedoria, e a lei da beneficência está na sua língua.
Está atenta ao andamento da casa, e não come o pão da preguiça.
Levantam-se seus filhos e chamam-na bem-aventurada; seu marido também, e ele a louva."(Provérbios 31:26-28)

Não permita que as circunstâncias de sua vida roube o melhor que há em você mãe. Você é muito especial. Confie sua vida e seu caminho á Deus e tudo vai mudar ao seu redor... até seus filhos.


5 comentários:

denise disse...

Me ajudou muito esse post. Preciso pensar no que falo, elogiar mais e criticar menos meu filho, mesmo diante de uma rotina muito atarefada que tenho, arrumar tempo pra ele.

Sabrina Sberse disse...

Não é fácil ser mãe nos dias atuais... Mas quando conseguimos calar o mundo e ouvir a voz de Deus, Ele nos orienta.
Obrigada, Jesus, por esse projeto maravilhoso! Não vejo a hora que tenhamos reuniões aqui na nossa Sede, onde temos muitas Mães em Oração! :)

rosy paiva disse...

É verdade, muitas as vezes só falamos falamos e damos o carinhos que devemos dar aos nossos filhos preencher aquele espaço MÃE CARINHOSA para eles.

Anônimo disse...

É verdade, muitas as vezes só falamos falamos e damos o carinhos que devemos dar aos nossos filhos preencher aquele espaço MÃE CARINHOSA para eles.

Anônimo disse...

É verdade, muitas as vezes só falamos falamos e damos o carinhos que devemos dar aos nossos filhos preencher aquele espaço MÃE CARINHOSA para eles.